terça-feira, 26 de outubro de 2010

Usuários receberão horários dos ônibus em Manaus por celular e internet

25/10/2010 - D24 AM - Cleidimar Pedroso

Se for implantado, novo sistema permitirá que o usuário consulte o horário dos ônibus pelo celular.
Com o novo sistema, a prefeitura de Manaus pretende aumentar o controle operacional e o sistema de arrecadação. Novidade foi anunciada nesta segunda-feira pela direção do SMTU.

Manaus - Os usuários do sistema do transporte coletivo de Manaus serão informados pelo celular, por meio de mensagem de texto, ou pela internet, sobre o tempo exato que cada linha de ônibus vai passar por determinado ponto de ônibus.

O serviço foi prometido na manhã desta segunda-feira pelo superintendente municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Marcos Cavalcante, e deve entrar em funcionamento em abril de 2012 quando o Sistema Integrado de Gestão Inteligente de Transporte estiver em funcionamento.

O sistema será semelhante ao Centro de Controle Operacional (CCO) que está sendo implantado pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) para monitorar o trânsito da cidade, e ao Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops).

A licitação do sistema de gestão deve ocorrer até o fim do próximo mês. Além de informar a localização e o tempo de viagem, todos os ônibus serão monitorados por câmeras. O superintendente do SMTU também espera aumentar o controle operacional e o sistema de arrecadação.

“Com o controle da arrecadação vamos saber os custos do serviço como manutenção e combustível, e a quantidade de passagens de estudantes e gratuitas. Assuntos que hoje são controlados pelo Sinetram (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas)”, disse. Ele lembrou que são essas questões que determinam o valor da passagem. “Será o sistema inteligente que vai determinar o valor da passagem”.

Segundo Cavalcante, faz 12 anos que a Prefeitura perdeu o controle sobre as informações técnicas sobre o transporte público da capital. “Estamos dependendo da boa vontade do Sinetram e isso desmoraliza o órgão público responsável pelo transporte”, completou.

O assessor jurídico do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram), Fernando Borges, disse que a entidade nunca se negou a prestar informações. “A declaração não procede”, frisou. Ele disse que “o conhecimento do Sinetram sobre o sistema inteligente é superficial” e que não poderia avaliá-lo.

Nesta segunda-feira, 200 pesquisadores começaram a percorrer os cinco terminais de integração e as linhas de ônibus da cidade, verificando fluxo de passageiros e questões relacionadas à frota. O estudo vai apontar a necessidade, ou não, de criação de novas linhas, aumento da quantidade de veículos para cada uma delas, mudanças no sistema alternativo e executivo e os valores das tarifas.

Licitação

Cavalcante anunciou que o edital que prevê a contratação de novas empresas de transporte será publicado até 30 de novembro e que o contrato com a empresa vencedora deverá ser assinado em janeiro do próximo ano.
Até junho, 900 novos ônibus estarão circulando. “Manaus terá a frota mais nova do pais com idade média de 1,4 ano”, disse. A empresa vencedora deverá investir 5,3 bilhões e vai explorar o serviço por dez anos.

Video

Nenhum comentário:

Postar um comentário